Filosofia holandesa que desaparece

Filosofia holandesa que desaparece

Cada país que joga futebol deve ter sua própria filosofia de jogo. Por exemplo, há a Espanha jogando Tiki taka, Itália com catenaccio-seu. A Holanda é a mesma coisa, eles têm sua própria filosofia de jogo, que costumamos chamar de Futebol Total ou em holandês é chamado Voetbal total.

O Futebol Total é uma tática de jogo que enfatiza a constante permutação das posições dos jogadores quando estão com ou sem o controle da bola. É claro que essa tática requer uma equipe que contenha jogadores fisicamente fortes e que também tenham aspectos defensivos e ofensivos.

Saber mais

Dos onze jogadores, apenas o goleiro tem posição padrão. No entanto, o papel do goleiro deve ter Boa visão e alta tecnologia. Porque é o goleiro quem determina o padrão do ataque inicial quando a bola está em suas mãos. Portanto, ele não precisa apenas passar para o zagueiro ou lateral, mas também pode ir para os meio-campistas ou atacantes diretos.

Nessa tática, a permutação de posições é importante, pois para manter a estrutura organizacional desse jogo, os jogadores que saem de posição são obrigados a serem substituídos por outros jogadores.

O Começo Aparece

Na verdade, o conceito desta tática nasceu de The Wunderteam A Áustria, que na época jogava o sistema Total Football, embora não fosse perfeito em meados da década de 1930. Além disso, há a seleção húngara com Equipe de Ouroseu com Ferenc Puskas e seu então clube River Plate com A máquina em meados dos anos 1940-1950.

Inicialmente, esse conceito entrou na Holanda quando o ex-jogador da seleção austríaca Ernst Happel treinou vários clubes da Holanda nas décadas de 1960-1970. Na verdade, ele treinou a seleção holandesa na Copa do Mundo de 1978 e conseguiu chegar à final antes de finalmente desmaiar no topo da festa.

Essa tática foi introduzida por Jack Reynolds, que treinou o Ajax em três períodos diferentes. Ele observou de perto esse sistema de jogo e aperfeiçoou ainda mais a forma como foi implementado em campo.

Então, um dos filhos adotivos de Reynolds, Rinus Michels, depois de se tornar um treinador modificou, refinou e embelezou o conceito em uma filosofia chamada Futebol Total. Ele aplicou essa tática quando treinou o Ajax, que na época conseguiu apresentar o troféu da Copa dos Campeões (1970-71) e também à seleção laranja em meados da década de 1970.

Rinus michels
Fonte: História do Futebol

Depois que Michels se mudou para o Barcelona, ​​​​o conceito dessa tática foi aprofundado por Stefan Kovacs no Ajax. Na verdade, ele conseguiu levar o Ajax a ganhar duas Copas dos Campeões consecutivas (1971-72 e 1972-73), de modo que o Ajax registrou Hat trick como campeões da Taça dos Campeões.

O evento para provar o Futebol Total aconteceu na final da Copa dos Campeões de 1972. Na época, o Ajax enfrentou a Internazionale da Itália, que usava o sistema catenaccio. No final da partida, o Ajax empatou por 2 a 0 sem resposta e nas manchetes da mídia apareceram "A Morte do Catenaccio”.

Johan Cruyff como sistema

Um dos jogadores mais conhecidos dos expoentes do sistema Futebol Total é Johan Cruyff. Ele jogou esse sistema quando estava no Ajax. Mesmo que ele seja atacante central, ele pode ser o coração do Futebol Total. Porque ele pode vagar por todas as áreas do campo e confundir os adversários.

A importância dessa tática é que, quando um Cruyff sai de posição, seus colegas se adaptam com flexibilidade para compensá-lo. Cruyff sempre falou sobre o espaço, onde os jogadores devem correr, onde os jogadores devem ficar em pé e quando os jogadores devem ficar parados e não se mover de sua posição.

Johan Cruyff
Fonte: The New Yorker

O sistema não é apenas o treinador que é o cérebro. No entanto, um jogador em campo também deve ter boa inteligência e visão de jogo para que possa interpretar a tática e improvisar de acordo com as condições do campo.

Até Cruyff disse uma vez que "O futebol simples é o mais bonito. Mas jogar futebol simples é a coisa mais difícilreferindo-se ao seu Futebol Total.

Holanda empata com a Total Football

Rinus Michels foi apontado como o técnico da Holanda para enfrentar Copa do Mundo 1974. Ao longo do torneio, a Holanda apareceu com força. Eles esmagaram Argentina (4-0), Alemanha Oriental (2-0) e Brasil (2-0). Isso os fez avançar para a final contra a Alemanha Ocidental.

Porém, na final chegaram ao limite. Precisamente no segundo tempo, depois que os jogadores da Alemanha Ocidental fizeram marcação de homem para homem para Cruyff. Isso mata o papel central de Cruyff, que não pode ser substituído por ninguém. E ser uma grande desvantagem para essa tática.

Portanto, para compensar essa deficiência, são necessários no mínimo dois jogadores que possam se tornar o centro do jogo. Tanto que nas semifinais da Copa da Europa de 1988, Michels teve dois jogadores centrais em Ruud Gullit e Frank Rijkaard. Isso tornou as táticas da Alemanha Ocidental impotentes. No final do torneio, a Holanda venceu após derrubar a União Soviética.

On Copa do Mundo 2022, a Holanda está sendo promovida novamente por Louis van Gaal pela terceira vez. Sob a tutela de van Gaal, a Holanda começou a abandonar a filosofia de jogar Futebol Total, que usava a tática 4-3-3. Na verdade, muitos meios de comunicação criticaram van Gaal por trazer o jogo holandês para um sistema defensivo. Completamente oposto à herança de jogar um futebol bonito reinando no espaço.

Holanda na Copa do Mundo de 2022
Fonte: O Telégrafo

O sistema de futebol holandês agora é mais pragmático, o que enfatiza o resultado final. Van Gaal parecia dizer que para o inferno com todos os tipos de filosofias de jogo porque o mais importante é o resultado de ganhar e ganhar títulos.

Mesmo sendo mais conhecido por jogar um futebol defensivo e tendendo a ser pragmático, mesmo que no final possa tornar a Holanda campeã, com certeza a mídia não vai dar atenção a isso. Afinal, o belo jogo do futebol holandês com seu Futebol Total não o torna campeão, certo?

Adeus!

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados com *